2021 terminará com chuvas no DF

De acordo com o meteorologista do Inmet, Mamedes Melo, em Brasília, a previsão é de trovoadas em áreas isoladas no decorrer de todo o período Chuva

114

Assim será a última semana do ano na capital federal. Aqueles que estão se programando para as comemorações e festividades que marcam o término de 2021 devem, portanto, estar prevenidos e atentos, de modo que os planos não sejam, literalmente, levados por água abaixo.

De acordo com o meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Mamedes Melo, em Brasília, a previsão é de trovoadas em áreas isoladas no decorrer de todo o período. “Principalmente no período da tarde”, completou o especialista.

Os dias mais intensos, de acordo com o que salienta o profissional, serão os períodos entre os dias 29 e 30 de dezembro. “Estaremos com atuação, novamente, da zona de convergência do Atlântico Sul, que é um corredor de umidade que se junta com as frentes frias que chegam até a região Sudeste, e isso tende a provocar maior volume de chuvas”, explica Mamedes.

Mesmo que os horários mais tendenciosos a chover sejam no período da tarde, o especialista pontua que é possível que elas venham em qualquer momento dos dias dessa semana. “Tanto de manhã, quanto de noite também são horários possíveis. No entanto, com maior volume, acredita-se que seja, de fato, nesse intervalo entre início e final do dia”, salienta.

Apesar de o modelo do Inmet não alcançar o dia da virada, o que se espera, também, na noite do réveillon, são pancadas de chuva. “Muito provavelmente será com chuva. Os lados mais propícios de elas acontecerem, de acordo com meus conhecimentos, serão no sul e leste do DF e no Plano Piloto há previsão com probabilidade menor”, revelou Mamedes.

O profissional do Inmet destacou ainda que, no quadradinho, a primeira quinzena de janeiro será marcada pela permanência desse clima. “Haverá sol sim, com certeza. Mas por estar muito úmido, essas pancadas de chuva devem continuar ocorrendo”, finalizou.

Dados do instituto mostraram que, neste mês, as trovoadas isoladas foram por um caminho diferenciado do que costumam acontecer. Somente nos últimos 23 dias, a média de 241,5mm, que era a esperada para dezembro, já foi superada, provando que não se imaginava que, este ano, as chuvas seriam tão intensas e frequentemente.

Estar atento é essencial

Diante desse cenário, e de modo a informar as pessoas acerca dos riscos e cuidados nessa época, o Corpo de Bombeiros do DF (CBMDF) destaca algumas ações necessárias a serem tomadas pelos brasilienses. “Ao se deslocar para os locais das festas, é importante não se colocar em situação de riscos, como por exemplo, atravessar ruas alagadas, permanecer em área descampada, ficar embaixo de árvores durante a chuva ou fazer uso de aparelhos celulares ligados às tomadas”, desenvolve a subtenente Cidemar da Silva Neves.

Conforme ela declara, nesta época, a entidade recebe muitos casos de acidentes advindos da chuva, e os mais comuns são desabamentos, alagamentos, quedas de árvores, acidentes de trânsito, afogamentos ou desaparecimentos em áreas de rios e cachoeiras e pessoas atingidas por descargas atmosféricas.

A recomendação de Cidemar, por sua vez, é procurar estar atento a questões como limpeza das calhas e ralos, poda das árvores, vários equipamentos ligados em uma só tomada, assim como o seu desligamento em momentos que houverem chuvas com presença de descargas elétricas.

As dicas da subtenente também se estendem para quem irá viajar de carro e, para quem optou por esse meio de transporte para aproveitar as férias de verão, a profissional é enfática ao relembrar a necessidade da não ingestão de bebidas alcoólicas antes de pegar a direção do veículo, assim como se certificar se as manutenções recomendadas no automóvel estão em dia. “Respeitar a sinalização de trânsito e manter sempre a distância do veículo da frente também é imprescindível”, finaliza.

Por Mayra Dias do Jornal de Brasília com informações de Sueli Moitinho

Foto: Jornal de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui