GDF simplifica regras para licenciamento de food trucks para o Carnaval

Comerciantes terão esta quarta (8) e quinta-feira (9) para fazer a vistoria de veículos junto ao Corpo de Bombeiros

107

Representantes do Governo do Distrito Federal (GDF) se reuniram nesta terça-feira (07/02) com os donos de food trucks para estabelecer regras de funcionamento da categoria na região do Plano Piloto, durante o Carnaval, que vai de 18 a 21 de fevereiro. Para que os comerciantes não percam a oportunidade de trabalho neste retorno da festa, após dois anos de pandemia, o GDF vai agilizar o processo de concessão de licenças e alvarás de funcionamento, com agendamento e vistoria feitos no mesmo dia, nesta quarta (8) e quinta-feira (9).

Os documentos necessários para trabalhar no circuito do Carnaval são: Certificado de Vistoria de Veículo (CVV), concedido pela Vigilância Sanitária, alvará do veículo, emitido pelo Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF), licença do Departamento de Trânsito (Detran-DF) e uma autodeclaração dos proprietários atestando as condições para participar da festa.

O presidente da Associação de Food Trucks do DF, que reúne 53 integrantes, Marcelo Mazzaro, disse que as decisões tomadas pelo governo local atenderam as demandas da categoria. Estão previstos 43 eventos no Plano Piloto no Carnaval deste ano. “Nós ficamos satisfeitos com o que foi decidido porque foi resolvida uma questão que estava preocupando a categoria”, disse Mazzaro.

De acordo o líder do grupo, alguns blocos terão seis food trucks em sua área, outras agremiações contarão com oito. A participação dos veículos de alimentos e bebidas se dará por meio de convite dos administradores dos blocos.

O administrador do Plano Piloto, Valdemar Medeiros, disse estar feliz com o resultado do entendimento com os donos de food trucks. “Estamos fazendo essa flexibilização de agilizar a concessão de licenças para o pessoal de food trucks, para que todos possam ter um Carnaval da paz, com segurança. Acho que, dessa forma, o Governo do Distrito Federal, a administração e Secretaria de Segurança Pública farão um belo Carnaval”, previu o Valdemar Medeiros.

O coronel do Corpo de Bombeiros Sérgio Ivan Menom, que representou a corporação na reunião, propôs realizar nesta quarta e quinta-feira a vistoria dos veículos, protocolo necessário para participar do Carnaval. “Normalmente, é feito agendamento no site do Corpo de Bombeiros, mas como existe a demanda do Carnaval, da agilidade, da necessidade deles trabalharem, abrimos essa exceção para agendar e fazer as vistorias no mesmo dia”, explicou o coronel. Segundo ele, a vistoria inclui verificação do extintor de incêndio, laudo da parte elétrica do veículo e laudo de botijão de gás, caso o veículo utilize mais de um.

A gerente de Segurança Alimentar da Secretaria de Vigilância Sanitária, que emite o CVV, Dillian Silva, deu várias orientações aos proprietários de food trucks, entre elas com relação à temperatura ideal dos alimentos, à higienização dos produtos e aos riscos de contaminação. “Além da emissão do CVV, nós vamos fazer uma fiscalização nos dias do evento”, garantiu a representante da pasta.

Por Agência Brasília

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Brasília / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui