Vandalismo causa interrupção da circulação de trens no Metrô-DF

Companhia identificou rompimento e furto de cabos; Semob já determinou reforço nas linhas de ônibus, para garantir a mobilidade dos usuários

174

A Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) informa que, na manhã desta terça-feira (28/02), identificou o rompimento de cabos de fibra ótica por ato de vandalismo. Em função disso, houve perda de sinalização no sistema e, consequentemente, interrupção da prestação de serviço à população. 

Também foi verificado furto de cabos de energia. Neste momento, as equipes de manutenção estão trabalhando nos locais. Foi elaborada uma estratégia para restabelecimento do sistema e reparo das fibras rompidas para que os trens voltem a circular o mais breve possível. As estações permanecem fechadas.

O Metrô-DF divulgará informações atualizadas assim que possível. A companhia lamenta o transtorno aos usuários. Tão logo foi identificado o problema, a Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob) determinou reforço nas linhas de ônibus. 

Sistema de sinalização

O sistema de sinalização e controle é responsável por enviar a informação da localização de cada trem na via para o Centro de Controle. O mecanismo impede a aproximação de trens e, por segurança, reduz a velocidade de tráfego em determinado trecho quando há falha. 

As falhas podem ser provocadas por diversas ocorrências, como queda de energia, raios, curtos-circuitos, rompimento de cabo ou de fibra óptica, atos de vandalismo – conforme ocorreu nesta terça -, defeito em componentes dos diversos equipamentos espalhados pela via e falha nos computadores que compõem o sistema de sinalização ou no sistema de transmissão de dados. 

*Com informações do Metrô-DF

Por Agência Brasília

Foto: Renato Alves/Agência Brasília / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui