Estádio Rorizão recebe mais uma etapa de obras

Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) também faz serviços de manutenção no Bezerrão, no Gama, e no Augustinho Lima, em Sobradinho

137

O Estádio Rorizão, em Samambaia, está passando por novas etapas de reforma. Entre os reparos, estão incluídas soldagem e pintura de 592 metros de alambrado. A equipe contratada pela Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) também está consertando falhas na arena e buracos no gramado. São R$ 97.680 investidos pelo Governo do Distrito Federal (GDF) para a continuidade das obras, que estão gerando 24 empregos.

Além do Rorizão, outros dois estádios geridos pela pasta estão recebendo obras de manutenção: o Bezerrão, no Gama, e o Augustinho Lima, em Sobradinho. Juntos, esses trabalhos demandam recursos de aproximadamente R$ 3 milhões, segundo a secretaria. 

No estádio de Samambaia ainda falta a manutenção predial, reparos nas infiltrações e vazamentos, além de um acabamento na estrutura. Assim que os contratos forem fechados com as empresas terceirizadas, informa a SEL, o restante dessas restaurações pode ter início.

“O Estádio do Rorizão é uma das prioridades desta gestão, para que em futuro próximo recebamos mais jogos”, afirma o chefe de assessoria de obras e infraestrutura da secretaria, Carlos Mohamed.

O Bezerrão está recebendo um novo gramado e obras nos alambrados. O campo se encontrava deteriorado devido à instalação emergencial de um hospital de campanha da Secretaria de Saúde (SES), em 2021, durante a epidemia de covid-19. O investimento é de R$ 628 mil.

Adote Uma Praça

O Estádio JK, por sua vez, está pronto para receber partidas desde que foi reformado por meio do programa Adote Uma Praça, criado pela Secretaria de Projetos Especiais (Sepe) para recuperar espaços públicos. 

O JK é a casa da equipe do Capital, time que adotou o estádio, investindo cerca de R$ 400 mil em sua recuperação. Também estão previstas, pelo Adote Uma Praça, reformas para o Estádio Chapadinha, em Brazlândia.

Por Agência Brasília

Foto: Joel Rodrigues/Agência Brasília / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui