Espetáculo ‘DesdeSempre’ acende alerta sobre o feminicídio no DF

Jovens encenam releitura de 'Otelo', de Shakespeare, de sexta (7) a domingo (09/07), no Teatro Sesc Silvio Barbato

113

A obra clássica Otelo, de William Shakespeare, ganha um novo olhar pela juventude de Brasília. Com apoio da Iecap, agência de transformação social, da Secretaria da Família e Juventude do DF (Sefaj) e do Centro de Juventude, jovens artistas evidenciam na peça DesdeSempre uma releitura que serve de alerta para a realidade da violência contra as mulheres.

Diante da crescente dos casos de feminicídios no DF, que superaram, de janeiro a junho deste ano o total de crimes registrados em todo o ano de 2022, o espetáculo provoca o debate urgente e necessário junto à sociedade. “Seria mais fácil interpretar uma história de princesas, mas o feminicídio está presente no nosso dia a dia, é algo que dói e dilacera. São notícias e matérias estampadas a todo o instante nas telas e queremos gritar, espernear. A nossa peça é um pedido de socorro”, relata Karla Marques, 17anos , que realiza o primeiro espetáculo.

“Resgatar os jovens por meio da arte é dar a eles abertura para expressar preocupações e realidades como ferramentas não apenas para compreender o contexto local, mas, sobretudo, para buscar soluções e alternativas”.Rodrigo Delmasso, secretário da Família e Juventude

O enredo de DesdeSempre nasceu com o estudo dos jovens artistas após a leitura do Ato V, Cena II da obra Otelo, em que duas mulheres são assassinadas pelos maridos. Segundo o diretor Dill Diaz, “nós sabemos que Shakespeare não estava falando sobre as mulheres quando escreveu Otelo, mas nós estamos. Esse trabalho realizado pelos jovens é a soma de vozes que clamam por mudanças e que evidenciam as diversas violências que acometem os corpos femininos”, afirma.

O grupo reúne 45 artistas do Centro de Juventude, jovens dos módulos I e II da oficina de teatro, que buscam espaço na cultural da cidade para debater temas urgentes do dia a dia. Para Juliana Neiva, 20, que também estreia nos palcos, “trazer esse assunto para a arte é um ato político. A arte também tem esse papel. Hoje, como coletivo artístico periférico, entendemos que nossa arte é a forma que encontramos de gerar visibilidade para casos de feminicídio e dar voz aos gritos sufocados.”

O incentivo à cultura como espaço de expressão é promovido diariamente no Centro de Juventude. Segundo Rodrigo Delmasso, Secretário da Família e Juventude do DF, “resgatar os jovens por meio da arte é dar a eles abertura para expressar preocupações e realidades como ferramentas não apenas para compreender o contexto local, mas, sobretudo, para buscar soluções e alternativas. O GDF está empenhado em promover cada vez mais espaço aos jovens nesse sentido”.

O preparo e ensaio dos jovens artistas contou com a participação especial de profissionais do setor cultural local, como Marcelo Lucchesi, Lacerda Rodrigues, Manu Maia e Doug Zanon. A peça se apresenta no estilo teatro-palestra em uma mescla de cenas ficcionais, relatos pessoais e trechos da obra de Shakespeare e estará em cartaz no Teatro Sesc Silvio Barbato, no Setor Comercial Sul, nos dias 7 e 8 de julho às 20h, e no dia 9 de julho às 19h. A entrada é gratuita e pode ser adquirida online pelo link ou presencialmente na entrada do evento, a depender da lotação.

Serviço
⇒ DesdeSempre
⇒ Dias: 7 e 8 de julho às 20h / 9 de julho às 19h
⇒ Local: Teatro Sesc Silvio Barbato, Ed. Presidente Dutra. Setor Comercial Sul – Quadra 2
⇒ Ingressos gratuitos https://www.sympla.com.br/evento/desdesempre/2053104

Ficha técnica
Elenco: Alice Morez / Anna Carol / Ângela Mendes / Ana Beatriz Holanda / Ayla Martins / Beca Alves / Clara Luz / Catarina Yoko / Daphiny Luísa / Davi Batista / Duda Goodman / Éden Luz / Ed Aguiar / Emi Pessato / Felipe Fontinelle / Gabrielly Batista / Gabi Luz / Haru Yokoyama / Henry King / Jean Grey / João Almeida / João Pedro Souza / João Vitor Braga / John Rezende / Juliana Neiva / Karla Marques / Ketlyn Gonçalves / Larissa Jennifer / Lau Santana / Louyze Pessato / Lorena Santi / Lucas Vital / Lunna Stela / Malu Guimarães / Mayra Silva / Matheus Gabriel / Naya Ferrer / Nanda Queiroz / Nathália Gabriela / Quézia Freire / Raquel Adla / Silas Lucas / Slanvy Fox / Thaynara Oliveira / Verônica Motta
Direção Geral: Dill Diaz
Assistente de Direção: Marcelo Lucchesi
Iluminador: Lacerda Rodrigues e Manu Maia
Designer gráfico: Doug Zanon
Dramaturgia: O Grupo
Apoio: Sesc Cultura
Realização: IECAP Agência de Transformação Social, Secretaria da Família e Juventude do Distrito Federal e Centro de Juventude

*Com informações da Secretaria da Família e Juventude

Por Agência Brasília

Foto: Ian Nogueira/ Divulgação / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui