Blitz educativa no DF alerta contra tráfico de pessoas

Ação conjunta entre Sejus-DF e PRF conscientiza sobre o tema e divulga canais de denúncia

89

A rotina dos motoristas e pedestres que passavam pela BR-070, no Km 16,5, foi diferente na tarde desta quarta-feira (26). A Secretaria de Justiça e Cidadania do Distrito Federal (Sejus-DF) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) se uniram na ação “Esse crime é real”, para distribuir materiais informativos e sensibilizar a população sobre tráfico de pessoas com uma blitz educativa.

A iniciativa faz parte de uma série de atividades desenvolvidas pela Sejus-DF, por meio da Subsecretaria de Apoio a Vítimas de Violência (Subav), na Semana Nacional de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, do dia 24 ao dia 30 deste mês. O objetivo é informar, divulgar, sensibilizar e mobilizar a respeito da temática. A ação também instruiu as pessoas sobre os canais de denúncias no caso de suspeitas desse tipo de crime.

“O tráfico de pessoas fere diretamente a dignidade humana. Muitas pessoas são enganadas com promessas mentirosas e acabam sendo aliciadas por organizações criminosas que as exploram e as ameaçam posteriormente. Temos que fazer esse alerta à sociedade para prevenir esse crime”, afirma a secretária da Sejus-DF, Marcela Passamani.

O momento também foi oportunidade para divulgação da Campanha Coração Azul. A iniciativa foi promovida inicialmente pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (Unodc), com o objetivo de aumentar a conscientização sobre o assunto. O Coração Azul representa a tristeza das vítimas, faz referência à insensibilidade de quem compra e vende outros seres humanos e é o símbolo internacional da luta contra o tráfico de pessoas.

Em 2013, a Assembleia Geral das Nações Unidas instituiu a data de 30 de julho como o Dia Mundial de Combate ao Tráfico de Pessoas.

*Com informações da Sejus-DF

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/ Sejus / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui