Professor Noel do Gama faz a alegria da criançada da área rural

Docente da rede pública da Ponte Alta Norte se transforma no Bom Velhinho para o encerramento do ano letivo em clima de Natal

30

Ano a ano, nos últimos seis anos, ele veste a roupa vermelha, coloca o gorro e a barba e se transforma no Papai Noel do Centro de Ensino Fundamental Ponte Alta Norte (PAN), do Gama. Estamos falando do professor da rede pública de ensino do Distrito Federal, Pedro Max Morais, é ele quem faz a alegria da criançada da comunidade rural.

No lugar do trenó e das renas, uma carroça enfeitada e um cavalo levaram o professor até os alunos que aguardavam com ansiedade a chegada do bom velhinho. Longas filas se formaram para tirar fotos e receber uma lembrança das mãos do Papai Noel. “É muito gratificante quando escuto eles falarem ‘Papai Noel existe’. O carinho e abraços que recebo me deixam maravilhado. Todos os anos ver os olhos deles brilharem me alegra”, relata o professor.

Pernambucano radicado em Brasília, trabalha na escola desde 2017, e atua na rede pública há 23 anos. Atualmente, Morais é o responsável pela Sala de Leitura do PAN e pela execução de projetos especiais como a participação dos alunos na Olimpíada Brasileira de Matemática, além de atividades de leitura e artes.

“A profissão é muito bela. Só de você começar a trabalhar aquela criança pra que ela tenha um futuro melhor, é muito gratificante. E os pequenos demonstram um amor grande pelo professor, chamam de ‘tio’, como se você fosse da família. É uma satisfação estar aqui na escola”, destaca Pedro Morais.

Conheça um pouco mais a história do professor Pedro no vídeo Gente do DF

Encerramento do ano letivo

Foi em clima natalino e com uma programação especial que o Centro de Ensino Fundamental Ponte Alta Norte encerrou o ano letivo de 2023 com uma Cantata de Natal para os 352 alunos de 4 a 16 anos e familiares. No evento, os alunos realizaram apresentações para os pais e responsáveis, professores também fizeram uma exibição musical e um lanche comunitário encerrou a festividade.

“Hoje é um dia especial, temos toda a comunidade presente. A cantata é o agradecimento do ano que tivemos, que mesmo com todas as dificuldades do dia a dia estamos formando nossas crianças. É também um resgate da união entre a família e a escola”, destacou o diretor do PAN, Thiago Ferreira.

Karine Andrade, mãe do pequeno Emídio Andrade, de 5 anos, que acompanhava com a outra filha atentamente a chegada do Papai Noel e as apresentações, também destacou a participação das famílias. “É muito bom ter essa integração entre a família e a escola. O evento de hoje é emocionante, ver meu filho se apresentar e presenciar o desenvolvimento dele no decorrer do ano é fechar com chave de ouro. Sou muito grata”, conclui.

Por Josiane Borges da Agência Brasília

Foto: Divulgação/Agência Brasília / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui