Internacional: reforço dos laços culturais e do comércio com as embaixadas

O secretário de Relações Internacionais destaca a relevância da pasta recém-criada ao chamar a atenção para o fato de Brasília ser a segunda maior capital do mundo em número de representações diplomáticas, só perdendo para Washington (EUA)

37

“2023 foi um ano muito desafiador, mas também gratificante. Assumi, em 1º de janeiro, a recém-criada Secretaria de Relações Internacionais (Serinter), com a missão dada pelo governador Ibaneis Rocha de promover a integração entre Brasília e o mundo.

E, para termos uma ideia do desafio, temos 133 embaixadas sediadas em Brasília e somos a segunda maior capital do mundo em número de representações diplomáticas. Só perdemos para Washington, nos Estados Unidos. Então, entendi que o trabalho deveria começar por aí: visitando, oficialmente, cada uma das embaixadas e fazendo esse ‘trabalho de formiguinha’, de trazê-las para perto do Distrito Federal.

Graças a um trabalho incansável, conseguimos reforçar laços culturais com cada país e abrir as portas para alavancarmos o comércio entre o DF e o mundo. Criamos o plano de negócios para o continente africano e, por meio de acordos de cooperação firmados entre a Serinter, a Fecomércio, a CNC, a Fibra e a Apex Brasil, as expectativas para as exportações nos próximos anos são imensas.

Em outra frente, representei o GDF em todas as datas nacionais, fortalecendo a diplomacia da capital, o que gerou, para o DF, excelentes resultados em diversas áreas, como a doação de biodigestor para comunidade rural do Pipiripau. Mostramos eventos importantes de Brasília para mais de 500 diplomatas – Carnaval, Feira do Livro, Festa do Morango, entre outras.

Desenvolvemos projetos aproximando a cidade dos embaixadores com visitas de estudantes às embaixadas, dia de fotografias no Jardim Botânico de Brasília e entrevistas gravadas e postadas nas redes sociais da secretaria.

Estou muito honrado e feliz com esta missão e prevejo um futuro maravilhoso para o DF nas relações internacionais. O objetivo, agora, é mostrar as vantagens comerciais e de polo logístico que o DF possui.”

*Paco Britto, secretário de Relações Internacionais do Distrito Federal

Por Agência Brasília

Foto: Maria Luiza Lourenço/Serinter-DF / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui