Obras de centro de cuidado e bem-estar de servidores são iniciadas

Centro de Apoio Biopsicossocial terá várias instalações, incluindo uma academia, vestiários, salas individuais para atendimento psicológico, salas multiúso e refeitório

56

O projeto da construção do Centro de Apoio Biopsicossocial (CAB), no âmbito do programa DF Mais Seguro – Segurança Integral, teve as obras iniciadas nesta semana. A construção e implantação de um espaço específico para os servidores da segurança pública visa melhorar a qualidade de vida no ambiente de trabalho. O local escolhido fica próximo à sede do Departamento de Trânsito (Detran-DF), ao Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob) e à sede da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF).

O centro terá várias instalações, incluindo uma academia, vestiários, salas individuais para atendimento psicológico, salas multiúso e refeitório. Também estão previstos uma sala de treinamento para workshops com capacidade para 30 pessoas, áreas de convívio, salas de amamentação com fraldários e brinquedoteca, banheiros acessíveis, recepção e sala de espera. O prédio, de um pavimento, tem 935 m² e será implementado pela Engemil – Engenharia, Empreendimentos, Manutenção e Instalações, vencedora no processo licitatório. O investimento estimado para a execução da obra é de R$ 2.602.351,87.

Essa iniciativa faz parte do Eixo 5 do programa DF Mais Seguro – Segurança Integrada. O quinto eixo leva em consideração o Servidor Mais Seguro, que promove o desenvolvimento de habilidades e cuidados à saúde dos agentes de segurança pública. O objetivo é promover o bem-estar físico e mental, impactando diretamente na prestação de serviços à comunidade.

O secretário de Segurança Pública, Sandro Avelar, destaca que o programa é um exemplo dos diversos projetos em andamento no Distrito Federal, enfatizando a colaboração entre órgãos e a sociedade civil. Ele ressalta a importância desse centro financiado pelo Fundo Nacional de Segurança Pública, que poderá atender indiretamente todas as forças.

“A criação desse centro é crucial para os profissionais da SSP, que desempenham atividades intensas e de dedicação exclusiva, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida por meio do estímulo à atividade física, convivência social e atenção à saúde mental. Isso pode mitigar possíveis afastamentos do trabalho devido a transtornos psicossociais, garantindo à população do Distrito Federal profissionais saudáveis, motivados e valorizados”, concluiu.

Servidor Mais Seguro

O DF Mais Seguro – Segurança Integral, da SSP-DF, foi dividido em cinco eixos temáticos alinhados com as principais necessidades da sociedade, promovendo a sinergia entre os órgãos governamentais, não governamentais e a sociedade civil, organizando, priorizando e coordenando iniciativas, ações, projetos e serviços para a segurança de todos.

O eixo 5, Servidor Mais Seguro, visa aprimorar a qualidade de vida, habilidades e saúde dos profissionais de segurança pública. Todo o trabalho focado nesse eixo considera o profissional de segurança pública em sua totalidade, levando em conta todos os aspectos humanos, a complexidade de sua função e o compromisso em proteger a vida e os direitos dos outros, mesmo correndo riscos próprios. Ele prioriza projetos relacionados a:

– Valorização das carreiras dos órgãos de segurança pública e do sistema penitenciário;
– Atenção à saúde integral, com foco no bem-estar físico e mental, especialmente na abordagem da depressão, estresse e outros problemas psicológicos, bem como suas consequências;
– Investimentos para garantir a segurança e melhores condições de trabalho aos profissionais.

Como explica o secretário-executivo de Gestão Integrada, Bilmar Angelis: “O eixo foi criado com o objetivo de fomentar o bem-estar físico e mental, resultando, além da valorização ao servidor, um melhor serviço prestado à população”. Entre as ações estão o incentivo às atividades esportivas, montagem de academias de ginástica, cursos de aperfeiçoamento profissional e previsão de concursos públicos.

O Corpo de Bombeiros do DF (CBMDF) foi a primeira força contemplada com o benefício. Os equipamentos de academia serão recebidos por todas as forças de segurança pública do DF. “Investir nesse tipo de equipamento é dar aos nossos servidores boas condições de saúde na atuação diária, que demanda muita frequência e energia”, declarou o secretário.

*Com informações da Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF)

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/SSP-DF / Reprodução Agência Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui